terça-feira, 28 de agosto de 2007

A HERANÇA DOS MANSOS




"Quão felizes são os mansos, pois eles herdarão a terra".
Mateus 5:5

Mansidão é sinônimo de humildade e é uma das características do cristão. É uma disposição de obedecer a Deus de forma confiante e alegre. Essa bem-aventurança se baseia no Salmo 37:11: "Mas os humildes receberão a terra por herança e desfrutarão pleno bem-estar".

A mansidão é parte do caráter do próprio Deus que, apesar do seu poder e justa indignação com o pecado, é o seu amor e misericórdia quem se manifesta no final. Davi disse uma vez quando Deus mandou escolher qual castigo sofrer por uma falta grave cometida: "Prefiro cair nas Tuas mãos a cair nas mãos dos homens, porque o Senhor é misericordioso".

Quais os aspectos da mansidão de Deus? O primeiro é que, a despeito de ser o Altíssimo Rei do Universo, se aproxima do ser humano para exaltá-lo. Salmo 18: 35 diz: "Tu me dás o teu escudo de vitória; Tua mão direita me sustém, desces ao meu encontro para exaltar-me". Quando decidimos confiar plenamente em Deus e pararmos de lutar contra sua vontade e, humildemente nos submeter, Ele nos exalta diante de todos, inclusive dos inimigos. ele não se ressente de compartilhar suas bênçãos conosco. É esse aspecto de Seu caráter que está descrito no Salmo 23: "preparas uma mesa perante mim na presença dos meus inimigos".

Um outro aspecto é o seu afeto e carinho por nós. Isaías 40:11 diz: "Como pastor ele cuida de seu rebanho; com o braço ajunta os cordeiros e os carrega no colo; conduz com cuidado as ovelhas que amamentam suas crias". Deus nos trata com amor e se importa com cada detalhe de nossa vida, inclusive com as circunstâncias pelas quais passamos. É companhia nas alegrias e nas tristezas.

Um outro aspecto é a sua notável determinação para restaurar o quebrado, encontrar o perdido, curar o doente e perdoar o pecador. Isaías 45:3 diz: "Não quebrará o caniço rachado, e não apagará o caniço fumegante, com fidelidade fará justiça". Deus não tem prazer na destruição de uma pessoa derrotada, quebrada por causa de seus erros, e pancadas levadas na vida. Ele não termina de quebrar o que está rachado e nem acrescenta peso à culpa do pecador, seu objetivo de restaurar, fazer justiça, trazer de volta o que estava perdido.

Portanto, quando Jesus exalta a mansidão, não o faz porque Deus é um líder tirano opressor que se interessa pela passividade dos liderados. Mas porque conhece o Pai como um Deus cheio de mansidão, de serenidade e amor no trato com seus filhos, e ansioso pela volta daqueles que se perderam no meio do caminho.

Por isso o Autor de lamentações declara que Deus é a sua esperança quando diz: "Agora, porém, quero trazer à memória aquilo que me dá esperança: As misericórdias do Senhor são a causa de não sermos consumidos, pois o seu amor não tem fim. Ele se renova a cada manhã". Lamentações 3:21-23

Um comentário:

ALTAIR GERMANO, disse...

A paz do Senhor amado(a)!

Convidamos o amado(a) irmã(o) para fazer parte da “União de Blogueiros Evangélicos”.

Trata-se de um espaço virtual e democrático onde seja possível unir blogueiros cujos blogs falam eminentemente sobre o Cristianismo e sobre a Palavra de Deus.

Diálogo, trocar idéias, debates e, sobretudo, divulgação de seus trabalhos e blogs são alguns dos objetivos da UBE.

A idéia surgiu de conversas on line entre o Pr. Altair Germano (BLOG DO PR. ALTAIR GERMANO), Pr. Esdras Bentho (TEOLOGIA COM GRAÇA) e o Irmão Valmir Milomem (E AGORA, COMO VIVEREMOS?).

Saiba mais no blogueirosevangelicos.blogspot.com

Ore, divulgue e participe!

No amor de Cristo,

Pr. Altair Germano